BOSCO VERTICALE, A UNIÃO DA NATUREZA E DA ARQUITETURA EM UM GRANDE PROJETO

O projeto arquitetônico de Stefano Boeri, primeiro exemplo de uma floresta vertical, foi inaugurado em outubro de 2014 em Milão.

O projeto do BOSCO VERTICALE consiste em duas torres, uma com 80 e outra com 112 m de altura. Os dois edifícios são ponto de referência em Milão. O conjunto abriga 480 árvores de porte médio e grande, 300 árvores de pequeno porte, 11.000 plantas perenes e rasteiras e ainda 5.000 arbustos.Essa verdadeira floresta vertical, ocuparia cerca de 20.000 metros quadrados se estivesse numa superfície horizontal.

O menor apartamento tem 65m e inclui um pequeno terraço floresta e o maior apartamentotem cerca de 450m, com um terraço de 80m.

A escolha das espécies e sua distribuição de acordo com a posição e altura das fachadas, é feita em conjunto com botânicos e biologistas. As plantas utilizadas nos edifícios são pré-cultivadas em uma estufa, em condições similares àquelas que vão encontrar nas varandas.

Visual Portfolio, Posts & Image Gallery for WordPress

A manutenção e substituição de toda vegetação e o controle do numero de plantas estabelecida para cada plataforma, são responsabilidades do condomínio.

Comandada por uma central computadorizada, a irrigação é diversificada, de acordo com a exposição de cada fachada e a distribuição da vegetação em cada pavimento.

A floresta vertical aumenta a biodiversidade, constituindo um fator espontâneo para a reprodução da flora e dafauna .Além disso, ajuda a filtrar as partículas contaminadas do ambiente urbano, produz oxigênio e protege o edifício da radiação solar e da poluição sonora.

As cores da vegetação variam de acordo com as estações do ano e das diferentes naturezas das plantas utilizadas.

Visual Portfolio, Posts & Image Gallery for WordPress

Aqui em São Paulo, na Vila Olímpia, temos um empreendimento similar ao Bosco Verticale,o edifício SEED, projetado pelo botânico e paisagista Ricardo Cardim com o apoio da incorporadora Gamaro. Cada unidade do edifício conta com um jardim composto por vegetais da Mata Atlântica e árvores frutíferas nativas. Todas as espécies são cultivadas em viveiros.

Visual Portfolio, Posts & Image Gallery for WordPress

Nessa foto Ricardo Cardim com Rosangela Pimenta num evento onde árvores foram plantadas num canteiro central de uma avenida

Inúmeros projetos voltados para a sustentabilidade estão se espalhando pelo mundo. Vejam esses exemplos:

Visual Portfolio, Posts & Image Gallery for WordPress

DIAMOND LOTUS, projetado pelo estúdio TrongNghiaArchitets, no Vietnã.

TREE TOWER, do escritório de arquitetura PENDA, em Toronto. Além da vegetação, esse projeto usa painéis de madeira revestindo toda fachada.

Visual Portfolio, Posts & Image Gallery for WordPress

Aqui em São Paulo, na Vila Olímpia, temos um empreendimento similar ao Bosco Verticale,o edifício SEED, projetado pelo botânico e paisagista Ricardo Cardim com o apoio da incorporadora Gamaro. Cada unidade do edifício conta com um jardim composto por vegetais da Mata Atlântica e árvores frutíferas nativas. Todas as espécies são cultivadas em viveiros.

E então, já conseguiram se imaginar morando numa verdadeira floresta vertical?

Gostou?

Caso necessite de uma ajuda profissional você pode contar com a INTETTO.

Temos uma equipe com arquitetos e designers de interiores preparada para atender as suas necessidades e projetar o seu sonho.

Será um prazer recebê-los em nosso escritório.